Sebrae oferece 108 vagas para Agentes Locais de Inovação com bolsas de até R$ 6,5 mil; confira

O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Pernambuco (Sebrae-PE) abriu 108 vagas na seleção de bolsistas para atuar no projeto Agentes Locais de Inovação (ALI).

A iniciativa de incentivo ao empreendedorismo oferece aos selecionados bolsas que variam entre R$ 5 mil e R$ 6,5 mil. Também está previsto cadastro de reserva, com 331 vagas.

Para ser um Agente Local de Inovação é preciso atender alguns requisitos, como ter ensino superior completo em áreas de interesse do Sebrae e até dez anos de formação acadêmica. Interessados devem se inscrever, gratuitamente, até o dia 5 de agosto, no site do processo seletivo.

Inscrições: processoseletivoabdesm.com

Os agentes locais de inovação serão capacitados pelo Sebrae para levar soluções inovadoras aos pequenos negócios, estimular a educação empreendedora e apoiar o desenvolvimento de ambientes inovadores.

As vagas são para as modalidades ALI Produtividade, ALI Rural, ALI Educação Empreendedora, ALI Ecossistemas e ALI Indicação Geográfica. Também há vagas disponíveis para orientador do ALI, voltadas para professores universitários e candidatos com perfil acadêmico.

Confira exigências para concorrer em cada uma das modalidades:

ALI Produtividade:
– Administração, engenharias, ciências contábeis, ciências econômicas, direito, tecnologia da informação, ciência da computação, design, sistema de informação e áreas correlatas.
– Experiência profissional: nível superior de, no mínimo, seis meses em gestão, empreendedorismo, inovação ou pequenos negócios.

ALI Rural:
– Engenharia agronômica, engenharia florestal, engenharia de alimentos, engenharia de pesca, medicina veterinária, zootecnia, gestão do agronegócio, tecnólogo em agronegócio, tecnólogo em alimentos ou áreas afins das ciências agrárias ou dos alimentos.
– Experiência profissional: nível superior de, no mínimo, seis meses em atividades realizadas em propriedade rural.

ALI Indicações Geográficas:
– Graduação de nível superior em qualquer área do conhecimento.
– Experiênciaprofissional: nível superior de, pelo menos, seis meses em empreendedorismo, inovação, gestão ou governança de coletividades.

ALI Educação Empreendedora:
– 
Pedagogia, licenciaturas, comunicação social ou comunicação, gestão e empreendedorismo, administração, administração pública, economia e marketing.
– Experiência profissional: nível superior de, no mínimo, 6 meses em atividades relacionadas à atuação na educação, gestão pedagógica, tecnologias da educação e inovação no campo educacional.

ALI Ecossistemas:
– Graduação de nível superior em qualquer área do conhecimento.
– Experiênciacomo profissional de nível superior de, pelo menos, seis meses em inovação (projetos de inovação, ambientes de inovação, ecossistemas de inovação, inovação no ambiente empresarial, inovação em ambientes digitais e gestão de comunidade).

Durante preenchimento do formulário eletrônico, o candidato deve observar a regional de atuação. Há oportunidades para localidades situadas na Região Metropolitana do Recife, Zona da Mata, Agreste, Sertão e Fernando de Noronha.

A seleção para ALI é composta por análise curricular e documental, avaliação de conhecimentos, realizada no formato on-line, além da avaliação de habilidades e perfil.

Para o cargo de orientador, não é exigida avaliação de conhecimentos. Todas as etapas são de caráter eliminatório e classificatório.

As provas estão previstas para ocorrerem em 14 de setembro e o resultado final, após concluídas todas as etapas, será divulgado no dia 25 de novembro. Segundo o edital, a previsão é que os selecionados comecem a ser chamados em janeiro de 2025. A capacitação acontecerá em formato híbrido, com duração de até 30 meses.

Verifique também

TJPE publica edital para concurso para cartórios de notas e de registro

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) publicou, nesta quarta-feira (17/7), o edital para o …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *