Mais de 60% do grupo prioritário precisa vacinar contra a gripe em Pernambuco

Unidades de saúde do SUS continuam campanha de vacinação contra a gripe em todo estado de Pernambuco. De acordo com o Ministério da Saúde, a vacina salva vidas e previne milhões de casos graves e óbitos pela infecção causada pelo vírus da influenza.

A mobilização dos municípios pernambucanos pela Campanha de Vacinação Contra a Gripe já contabiliza mais de 1,6 milhão de doses aplicadas. Até o momento, cerca de 41% do grupo prioritário da ação — composto por quase 3,6 milhões de pessoas — receberam a dose da vacina no estado. Os dados são do painel de imunizações do Ministério da Saúde.

A meta das autoridades de saúde é vacinar 90% de cada um dos grupos prioritários — como gestantes, idosos, crianças e povos indígenas. Mas, por conta da disponibilidade de doses, o Ministério autorizou, no começo de maio, a ampliação da imunização para todas as pessoas acima dos seis meses de idade.

Segundo o diretor do Departamento do Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde, Eder Gatti, a medida busca garantir uma maior cobertura vacinal e, consequentemente, uma redução nas complicações e internações causadas pela gripe.

“Então, se há disponibilidade da vacina e o vírus da influenza – da gripe – está circulando, nós devemos ampliar o acesso das pessoas para que elas se vacinem, diminuam seu risco de adoecimento de formas graves da doença e diminuam a circulação do vírus na comunidade.”

Mas muita gente deixa para tomar o imunizante na última hora. É o caso da professora aposentada Maria Patricia Preuss Levancini, de 71 anos, moradora do Centro de Petrolina, em Pernambuco. Justamente por ser do grupo prioritário, ela pretende buscar um posto de vacinação o mais breve possível.

“Este ano, eu não tomei ainda, mas com certeza eu vou tomar. A vacina evita que a gente tenha muitas complicações [em casos de] gripe. Aqui em Petrolina, está fácil de conseguir a vacina e está muito procurada também.”

Em Petrolina, as doses da vacina da gripe estão disponíveis nas 57 unidades básicas de saúde da zona urbana, das 08h às 12h e das 14h às 16h30. Nas UBS da zona rural, o horário de atendimento é de 08h às 13h. Já o polo montado no River Shopping funciona das 13h às 17h.

Segundo o painel do Ministério da Saúde, em Petrolina foram aplicadas 64 mil doses. A cobertura vacinal do público prioritário está em cerca de 41%.

Faça parte do Movimento Nacional Pela Vacinação e diga sim para a vacina contra a gripe. Procure uma Unidade Básica de Saúde com a Caderneta de Vacinação ou documento com foto. Para mais informações, acesse: www.gov.br/vacinacao.

Fonte: Brasil 61

Verifique também

Paciente aguarda transferência para cirurgia ortopédica de alta complexidade em Paulo Afonso-BA

Carlos Amadeu Soares da Silva, paciente internado no Hospital Nair Alves de Souza em Paulo …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *