Clima de campanha tomou conta da sessão de ontem da câmara de vereadores de Cabrobó

A sessão desta terça-feira (02/07) da Câmara de Vereadores de Cabrobó foi marcada por discursos acalorados dos parlamentares, governistas partiram pra cima do oposicionista Rony Russo após ele ter feito denúncias contra a gestão. O vereador de oposição Rony Russo denunciou o governo ao Ministério Público, onde segundo ele máquinas da prefeitura estariam sendo usadas para realizar obras de obrigação da empresa que venceu a licitação.

Marcos de Neuma foi à tribuna e relembrou os velhos tempos, ao acusar o colega de invadir sua propriedade e se apegar a métodos da velha política. O líder do governo defendeu as ações da administração nos trabalhos de recuperação das estradas da área rural do município, Marcos disse ainda que seu colega deixou um rastro de revolta entre os moradores das regiões que serão beneficiadas com essas ações do governo.

A maioria dos vereadores que foi a tribuna na sessão ordinária desta terça-feira, mostraram que estão afinados e em sintonia para defender o governo. Manifestaram solidariedade ao colega Marcos de Neuma e ao mesmo tempo, classificaram como desnecessário e incompreensível à atitude do vereador Rony Russo. Todos eles fizeram questão de ressaltar a importância da obra que vem sendo executada na zona rural do município.

O vereador Rony Russo (União Brasil), foi à tribuna e reforçou a tese que originou a denúncia. Ele diz que está sendo feito uso de máquinas da prefeitura ao invés de máquinas da empresa vencedora da licitação, disse ainda que não se trata de ato político e sim de cumprir função de fiscalizador. Disse mais: “Não fiz denúncia contra qualquer vereador, se algum vereador se sentir ofendido eu peço desculpas publicamente”, finalizou o vereador da oposição Rony Russo.

Após as falas de todos os vereadores o presidente da casa Paulo Gonçalves (PT), foi à tribuna para dizer que vai procurar o Ministério Público para tomar conhecimento do que de fato aconteceu. O presidente manifestou preocupação com o tom dos discursos por se tratar de período eleitoral, pediu ainda aos colegas Marcos e Rony moderação nas falas. Paulo finalizou dizendo: “Espero que a obra de recuperação das estradas rurais, não venha sofrer nenhuma interrupção”.

Verifique também

Juazeiro: TSE confirma que Isaac Carvalho está inelegível

Mesmo o candidato do PT a prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho, insistindo em manter a …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *